10 dicas para construir seu próprio estilo

0

Existem algumas dicas que são básicas na hora de construir o próprio estilo, sim, ele deve ser construído!

Toda pessoa tem uma tendência natural a gostar mais de algumas coisas do que de outras, mas esse “gosto pessoal” precisa adaptar-se a pequenos detalhes como rotina, ambiente de trabalho, estrutura familiar, profissão, ambiente onde vive… são muitas as coisas que devem ser observadas.

Por exemplo, você pode ser uma apaixonada por salto alto e fino, no entanto numa rotina de professora de jardim de infância vamos combinar que não rola não é mesmo. Que tal algumas dicas do que você pode fazer para facilitar a construção do estilo pessoal:

1 – Experimente! Tudo. Sempre. Experimentar é exercitar a criatividade. Abrir horizontes. Não existe nada que não possa, ao menos, ser experimentado.

Você não precisa ser sempre a mesma… pode ser várias… e sempre você!

2 – Conheça o próprio corpo. É essencial saber suas medidas, proporções, biotipo e tom de pele. Isso facilita muito suas escolhas.

3 – Tenha referências, inspirar-se é bom mas como diz Thaila Ayala: Tenha personalidade na hora de se vestir, se inspirar é diferente de copiar! O mundo está cansado de cópias!

4 – Looks tradicionais ganham novos ares com formas e materiais não convencionais. Nada impede de arriscar uma assimetria ou um material diferente, certo?

5 – Tenha os básicos. Eles são fundamentais. São eles que servirão de base para compor um look da hora com as peças “modinhas” que vez ou outra arriscamos comprar.

6 – Nas consultorias sempre deixamos claro que as bases neutras são: Branco, preto e cinza! No entanto para ganhar originalidade elas podem ser substituídas por outros neutros e dar um up no look, por exemplo:  O preto pode ser trocado por marinho, petróleo ou até um marrom café. Cinza chumbo também é uma opção. Branco tem uma gama de nudes, pérolas, off e tons pastéis que o substituem a altura. E o cinza… ah meu amado cinza, esse pode ser trocado por tons militares, caquis e azuis. Pronto, adeus monotonia de cores. (regra de ouro para looks de ambiente profissional!)

7 – Acessórios, acessórios e acessórios. Seja pulseira, anel, brinco, colar, bandana, cintos, bolsas… enfim, o mundo dos acessórios é infinito. Assim como as suas possibilidades. Acessórios dão personalidade, originalidade e modernidade aos looks. Não podem ser esquecidos na gaveta.

8 – Terceira peça: sempre falamos nela. Coletes, cardigãs, blazer, casacos, casaquetos… o look mais básico do universo sai da monotonia quando o assunto é terceira peça. São atemporais, dão cor, vida e estilo. Sem falar que resolvem facilmente qualquer dúvida fashion e ainda ajudam a criar uma cinturinha em looks que requerem uma divisão vertical. Lembre-se… exceto pelos trench de inverno e casacões… a regra de ouro é usar abertos!

9 – Calçado certo. Qualquer look DIVO fica comprometido pelo calçado errado. E nem estou falando de tendências, estou falando em classe, bom gosto, conforto e cores mesmo. O calçado vai, literalmente, carregar o seu look o dia todo, portanto ele deve ser confortável a ponto de que você consiga manter uma postura elegante durante todo o tempo que o estiver calçando, fora que deve estar de acordo com a informação que o look passa.

10 –  Aposte em peças femininas vez ou outra… As meninas da Oficina de Estilo dizem que deveria ser um exercício, ao menos uma vez na semana usar saia ou vestido… eu diria o seguinte… 2 VEZES POR SEMANA. Faça chuva ou faça sol. Seria ótimo que todas as mulheres pudessem se desafiar a sair da calça jeans…arriscar mais peças diferentes. Quando fazemos consultoria de moda com as nossas clientes, é unanime…. ficou lindo… mas eu não usaria. Qual a razão dessa frase? Vamos abandonar nossas crenças limitantes e nos permitir usar o diferente sim!!!! Todo mundo pode.

E você? Qual a sua novidade de hoje? Topa uma semana de desafio de looks nada óbvios?

 

você pode gostar também Mais do autor clique aqui

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.